Notícias e Pesquisas

05 Out 2018

Terceiro mês consecutivo de aumento da confiança do consumidor

O Índice de Confiança do Consumidor (INEC) registra 105,9 pontos em setembro, após um aumento de 1,1% em relação a agosto. Apesar de modesto, esse avanço é o terceiro consecutivo – o INEC acumula crescimento de 7,7% no último trimestre.

O indicador é o maior desde dezembro de 2014, quando atingiu 109,2 pontos. Contudo, ainda se mantém abaixo da sua média histórica de 107,7 pontos, indicando que os consumidores estão menos confiantes que o usual.

Em relação aos componentes do INEC, destaca-se o aumento dos índices de expectativas de inflação e desemprego, de 7,7% e 4,3% respectivamente, frente ao último mês, indicando perspectivas mais otimistas. O índice de endividamento também avança, em 1,6%, significando queda do endivida­mento da população. Já o índice de situação finan­ceira apresenta recuo de 3,1%, ou seja, reflete uma piora da situação financeira. Por fim, os indicado­res de expectativas de renda própria e de compras de bens de maior valor diminuem em 0,6% e 0,4%, respectivamente, em relação a agosto.

DADOS DA PESQUISA

Nome da pesquisa

ÍNDICE NACIONAL DE EXPECTATIVA DO CONSUMIDOR (INEC)

Margem de erro

2 pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra.

Tema

CNI

INEC (Índice Nacional de Expectativa do Consumidor)

Opinião pública

Contratante

CNI - CONFEDERAÇÃO NACIONAL DA INDÚSTRIA

Período

22/09/2018 a 24/09/2018

Local

Brasil

Amostra

Foram realizadas 2000 entrevistas em 126 municípios.

ARQUIVO(S) PARA DOWNLOAD
INEC setembro de 2018
Pesquisa completa