Notícias e Pesquisas

30 Out 2017

Lula lidera disputa para 2018; Bolsonaro e Marina empatam na maioria dos cenários

Com o objetivo de acompanhar a opinião dos eleitores brasileiros sobre o cenário político, o IBOPE Inteligência investigou as intenções de voto para a disputa eleitoral presidencial de 2018.

Em um dos cenários testados, com todos os possíveis candidatos, o ex-presidente Lula (PT) lidera com 35% das intenções de voto, patamar bem acima dos 13% do segundo colocado, o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ). Marina Silva (Rede) recebe 8% das menções, Geraldo Alckmin (SP) é apontado por 5%, assim como Luciano Huck (sem partido). O prefeito de São Paulo, João Dória (PSDB), tem 4% das menções e Ciro Gomes (PDT), 3%. Álvaro Dias (Podemos) recebe 2% das intenções de voto e Ronaldo Caiado (DEM) e Chico Alencar (PSOL) são mencionados por 1% cada. Henrique Meirelles (PSD) e João Amoedo (Novo) foram citados, mas não atingem 1% das menções. Eleitores que declaram a intenção de votar em branco ou nulo somam 18% e 5% não sabem ou preferem não responder. O objetivo deste cenário é testar as forças relativas de cada possível candidato, por isso é considerado mais de um nome por partido.

Em outro cenário para testar a força de cada um dos possíveis candidatos, considerando o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT) no lugar de Lula, Bolsonaro e Marina Silva empatam em primeiro com 15% das intenções de voto cada. Luciano Huck obtém 8%, Ciro Gomes e Geraldo Alckmin são mencionados por 7%, Dória por 5%, Álvaro Dias por 3%, enquanto Fernando Haddad, Henrique Meirelles, Ronaldo Caiado, Chico Alencar e João Amoedo aparecem com 1% cada. Os que declaram intenção de votar em branco ou nulo totalizam 28% e 6% não sabem ou não respondem.

Também foram aplicados alguns cenários reduzidos, nos quais o apresentador Luciano Huck não foi testado e alguns nomes do PT – Lula e Haddad – e do PSDB – Alckmin e Dória – foram testados de maneira alternada.

Ao considerar os nomes de Lula pelo PT e Alckmin pelo PSDB, o ex-presidente mantém seus 35% de menções assim como no primeiro cenário. Bolsonaro tem 15% e empata tecnicamente com Marina Silva (11%), considerando a margem de erro de dois pontos percentuais. Geraldo Alckmin aparece com 7%, Ciro Gomes com 5%, Álvaro Dias com 3% e Ronaldo Caiado, Chico Alencar e João Amoedo com 1% cada. Henrique Meirelles foi mencionado, mas não chega atingir 1% das respostas. Eleitores que pretendem votar em branco ou anular o voto chegam a 19% e 4% não sabem ou preferem não responder.

Na simulação que considera João Dória no lugar de Geraldo Alckmin, Lula lidera com 36%, seguido de Jair Bolsonaro (15%) e Marina Silva (11%) empatados novamente em segundo. Dória e Ciro Gomes aparecem com 5%, Álvaro Dias com 3% e Henrique Meirelles, Ronaldo Caiado e Chico Alencar com 1% cada. João Amoedo foi citado, mas não atinge 1% das menções. A parcela de eleitores com a intenção de votar em branco ou anular o voto representa 19% da amostra e 3% não sabem ou preferem não responder.

Já no cenário com Alckmin e Fernando Haddad, Bolsonaro e Marina Silva empatam em primeiro lugar com 18% das intenções de voto cada. Ciro Gomes é mencionado por 9%, Geraldo Alckmin por 8%, Álvaro Dias por 4%, Fernando Haddad e Chico Alencar por 2% e Henrique Meirelles, Ronaldo Caiado e João Amoedo por 1%. Aqueles que pretendem votar em branco ou e nulo totalizam 31% e 5% não sabem ou não respondem.

No último cenário testado, considerando a presença de João Dória e Fernando Haddad, Marina Silva tem 19% das intenções de voto, e está empatada tecnicamente em primeiro lugar com Jair Bolsonaro, que é mencionado por 17%. Ciro Gomes recebe 11% das menções, João Dória tem 6%, Álvaro Dias 4%, Fernando Haddad 2% e Henrique Meirelles, Ronaldo Caiado, Chico Alencar e João Amoedo 1% cada. Os eleitores que declaram intenção de votar em branco ou nulo chegam a 32% e 5% não sabem ou preferem não responder.

Na pergunta espontânea, sem a apresentação dos nomes dos candidatos, Lula é mencionado por 26%, Bolsonaro por 9% e Marina Silva por 2%. Também foram citados, com 1% cada, Ciro Gomes, Geraldo Alckmin, João Dória, Dilma Rousseff e Michel Temer. Outros com menos de 1% representam 3% das menções. Brancos e nulo totalizam 26% e 30% não sabem ou não respondem a questão. 

Vale ponderar que esses resultados refletem a opinião da população neste momento e que esse pensamento pode mudar ao longo do tempo de acordo com os fatos políticos que surgem, bem como o desempenho e nível de conhecimento dos candidatos.

DADOS DA PESQUISA

Nome da pesquisa

Possíveis cenários eleitorais para a disputa presidencial de 2018.

Margem de erro

2 pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra

Tema

Eleições

Opinião pública

Contratante

IBOPE Inteligência

Período

18/10/2017 a 22/10/2017

Local

Brasil

Amostra

2002 entrevistas em 143 municípios

ARQUIVO(S) PARA DOWNLOAD
Pesquisa completa

COMENTÁRIOS