Notícias e Pesquisas

04 Set 2014

Imagens de Fred, Neymar Jr. e Felipão saem desgastadas em avaliação pós-Mundial de Futebol

?O baixo desempenho da Seleção Brasileira no Mundial impactou também a imagem dos jogadores?.
O baixo desempenho da Seleção Brasileira no Mundial impactou também a imagem dos jogadores. De acordo com a pesquisa Celebrity DBI, solução do IBOPE Repucom que mensura a percepção da população sobre celebridades e atletas em vários países, o atacante Fred somava 62,32 no atributo confiança, agora, registra 52,49.

Embora não tenha jogado a partida contra a Alemanha, Neymar Jr. também não escapou. No quesito apelo, por exemplo, passou de 74,73 para 67,98 e, quando avaliada a influência do atleta, ele somou 81,67 pontos após o Mundial de futebol, frente aos 85,3 que tinha antes do evento.

Em contrapartida, David Luiz, zagueiro da Seleção e também jogador do Paris Saint-Germain, somava 76,39 no atributo que avalia o conhecimento antes do Mundial e, após o evento, saltou para 97,23. O atleta também registrou resultados positivos quando avaliado o apelo (75,4), a influência (76,9) e confiança (67,3).

“Não me surpreende que exista certo desgaste na imagem dos jogadores. Até porque o percebido fracasso da Amarelinha ainda está muito presente no coração de todos. Afinal, os atletas sempre serão em grande parte julgados pelo desempenho no campo, na quadra ou na pista”, explica José Colagrossi, diretor executivo do IBOPE Repucom. “O que é verdadeiramente surpreendente é o fato de que o David Luiz, por meio do seu carisma, estilo e jeito de ser tenha conseguido crescer na avaliação popular” finaliza. 

Ainda de acordo com o estudo, o ex-treinador Luiz Felipe Scolari também encerrou sua participação na competição com a imagem arranhada e, em relação ao atributo confiança, passou de 69,14 para 52,87.

Metodologia
Com base em uma amostra com representatividade nacional em cada país em que o IBOPE Repucom atua, os participantes da pesquisa respondem a perguntas-padrão sobre uma lista de personalidades. No Brasil, a amostragem conta com seis mil pessoas, com idades entre 16 e 69 anos, que avaliam cerca de 300 celebridades brasileiras e 300 globais, entre atores, esportistas, músicos e políticos. No mundo, são avaliados mais de 5 mil nomes.

COMENTÁRIOS