Notícias e Pesquisas

27 Jan 2017

Consumidor começa 2017 mais otimista

O consumidor brasileiro inicia o ano mais otimista do que no final de 2016. O INEC (Índice Nacional de Expectativa do Consumidor) medido pelo IBOPE Inteligência à pedido da Confederação Nacional da Indústria (CNI) cresceu 3,5% em janeiro de 2017 na comparação com dezembro de 2016. Quando comparado com janeiro de 2016, o crescimento é de 5,3%. Mesmo assim, o INEC permanece 4,5% abaixo de sua média histórica.

A maioria dos índices que compõem o INEC registra crescimento na comparação mensal. A principal razão da melhora do índice é o maior otimismo dos consumidores com relação à evolução futura do emprego, dos preços e da renda. Os índices de situação financeira e de endividamento também mostram aumento, o que reflete uma avaliação favorável dos consumidores acerca da evolução de suas finanças e dívidas.

A expectativa de compras de bens de maior valor é o único componente que mostra queda, tanto na comparação mensal (-2,6%) quanto na anual (-4,5%). Reflete um comportamento mais cauteloso devido à perda de rendimento com a recessão prolongada.

DADOS DA PESQUISA

Nome da pesquisa

ÍNDICE NACIONAL DE EXPECTATIVA DO CONSUMIDOR

Margem de erro

2 pontos para mais ou para menos

Tema

INEC (Índice Nacional de Expectativa do Consumidor)

Varejo

Contratante

Confederação Nacional da Indústria (CNI)

Período

19/01/2017 a 23/01/2017

Local

Brasil

Amostra

2002 entrevistas em 141 municípios

ARQUIVO(S) PARA DOWNLOAD
INEC Janeiro 2017
Pesquisa completa

COMENTÁRIOS