Notícias e Pesquisas

31 Out 2017

Confiança do consumidor continua oscilando

O INEC (Índice Nacional de Expectativa do Consumidor) de outubro de 2017 alcança 101,2 pontos, o que representa uma expansão de 2,7% na comparação com setembro. O INEC vem alternando variações positivas e negativas nos últimos meses, sem trajetória definida. O aumento de outubro reverte parcialmente a queda registrada no mês anterior (-3,1%). A instabilidade mantém o INEC em patamar baixo. Apesar do aumento, o índice encontra-se 6,6% abaixo de sua média histórica.

A maioria dos componentes do INEC mostram variações positivas, entre setembro e outubro. Confiança do consumidor segue oscilando Destacam-se os índices de expectativa de desemprego e de inflação, com aumento de 11,5% e de 7,3%, respectivamente, na comparação mensal. Os índices refletem uma redução do percentual de consumidores esperando aumento do desemprego e da inflação nos próximos meses.

Dois dos componentes do INEC mostram queda na comparação mensal. O índice de situação financeira indica piora da situação financeira das famílias, enquanto o índice de expectativa de compras de bens de maior valor aponta perspectiva de queda na demanda por esses produtos.

 

DADOS DA PESQUISA

Nome da pesquisa

Índice Nacional de Expectativa do Consumidor - INEC

Margem de erro

2 PONTOS PERCENTUAIS PARA MAIS OU PARA MENOS SOBRE OS RESULTADOS ENCONTRADOS NO TOTAL DA AMOSTRA

Tema

CNI

INEC (Índice Nacional de Expectativa do Consumidor)

Contratante

CNI - Confederação Nacional da Indústria

Período

31/10/2017 a 31/10/2017

Local

Brasil

Amostra

2002 em 143 municípios

ARQUIVO(S) PARA DOWNLOAD
INEC outubro 2017
Pesquisa completa

COMENTÁRIOS